Entenda o Significado do Símbolo da Páscoa e Semana Santa

Surpreenda-se ao descobrir qual o significado do Ovo de Páscoa

Oi, aqui é a Lorena! Preparei esse artigo em uma data muito especial no nosso calendário, que é a Semana Santa e seus símbolos. Ela se inicia no Domingo de Ramos, que relembra a entrada triunfal de Jesus em Jerusalém e termina com a ressurreição de Jesus, que ocorre no domingo de Páscoa.

A Semana Santa é uma tradição religiosa cristã que celebra a Paixão, a Morte e a Ressurreição de Jesus Cristo.

A Bíblia diz que Cristo morreu na cruz na sexta-feira Santa, que neste ano cai no dia 10 de abril, e ele ressuscitou no domingo de Páscoa (12 de abril). Este é um dos feriados mais importantes para o Cristianismo.

Porém, algumas tradições que fazem parte do feriado não têm muito a ver com a história original. Afinal, de onde veio a tradição de dar e comer ovos de Páscoa?

E por que são os coelhos que escondem ou entregam estes ovos? Parece um pouco confuso mesmo.

Um coelho, que teria ficado preso no túmulo aberto na rocha, seria o primeiro ser vivo a testemunhar a ressurreição de Jesus.

Por essa razão, ganhou o privilégio de anunciar a boa nova às crianças do mundo inteiro na manhã da Páscoa.

É ele, portanto, o suposto portador do ovo de chocolate.

Os cristãos passaram a ver no ovo um símbolo da ressurreição de Cristo. O ovo de chocolate ou ovos de Páscoa, que são uma tradição milenar, passou à ser relacionada ao cristianismo.

Muita gente presenteia amigos e familiares com ovos de chocolate, porém, originalmente, comer ovos não era permitido por líderes da Igreja na semana em que antecedia a Páscoa, chamada de Semana Santa.

Já que não se podia comê-los, as pessoas começaram a guardá-los e decorá-los neste período, para depois dar de presente às crianças.

Por que o chocolate é um símbolo apropriado para a Páscoa?

Pois bem, quando chega a Páscoa, a gente sempre encontra lojas abastecidas com ovos e coelhos de chocolate de diferentes tamanhos.

E quando observamos como o chocolate é feito, lembramos o verdadeiro significado da data.

Na Páscoa, Deus nos dá seu maior presente e, portanto, celebrar essa alegria com o chocolate é totalmente apropriado. O chocolate é fruto da terra e do trabalho das mãos humanas.

A transformação do cacau natural em chocolate comestível é um processo complicado e laborioso, que envolve fermentação, secagem, limpeza, torrefação, moagem e aquecimento.

O processo de produção do chocolate, portanto, nos lembra o suor e as lágrimas de Jesus durante sua paixão e morte.

Uma semente deve cair na terra e morrer antes que ela produza seus frutos. É o mesmo com a semente de cacau.

Já reparou como a Páscoa altera nosso humor. Nós fomos discretos, introspectivos e arrependidos durante a Quaresma.

Mas, na Páscoa, nossa alegria explode ao receber a Boa Nova da vitória do nosso Salvador sobre o pecado e a morte.

O chocolate também melhora nosso humor. Não me deixe lembrar de todos aqueles momentos em que você devorou uma barra de chocolate naqueles momentos emocionais difíceis!

Ele levanta nossos espíritos e nos faz sentir bem; tira parte da dor e nos traz conforto.

Além disso, o chocolate é excepcionalmente “moldável”, pode ganhar muitas formas e sabores diferentes.

Como a graça viva de Deus derramada em nossos corações, ele pode ser “diferente” para cada pessoa. Existem formatos e sabores para crianças e adultos mais sofisticados.

Essa adaptação individual às necessidade e desejos mostra como Deus age de maneira diferente em cada um de nós. Ele é generoso e sensível. Não existe uma fórmula rígida para todos.

O cacau bruto é extremamente amargo, como o vinagre que ofereceram a Jesus na Cruz. É somente através de um longo e laborioso processo que se torna doce.

O grão deve ser recolhido (preso), seco, descascado e moído (flagelado e crucificado), fermentado (colocado na sepultura) e, depois, transformado em doçura e alegria (ressurreição).

É por isso que o chocolate é um símbolo apropriado para a Páscoa. Então, da próxima vez que você quiser um pedaço de chocolate, não se sinta culpado.

Lembre-se do grande amor que Deus tem para você. “Oh, provai e vede como o Senhor é bom”.

Não importa a sua crença, jamais perca sua FÉ e o seu AMOR ao próximo.

Recomendado Para Você:

O que você achou? Deixe seu comentário aqui!
Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.