Como Manter o Psicológico Saudável Durante a Quarentena

A importância de manter o equilíbrio emocional durante a pandemia e quarentena

Oi, aqui é a Lorena! E preparei esse artigo de como manter o nosso equilíbrio mental nesse período tão complicado que é o período de quarentena por pandemia de coronavírus.

Fique em casa. Essa é a principal recomendação para evitar a propagação do Covid-19. E isso, pode contribuir para agravar ainda mais o cenário, desencadeando um estado de estresse e ansiedade permanentes que podem fragilizar o sistema imunológico e debilitar o equilíbrio mental.

Quando a pandemia do novo coronavírus exigiu atitudes mais radicais para seu combate, grande parte da população se viu diante uma realidade que até então desconhecida.

O isolamento imposto para prevenir a contaminação em massa do covid-19 trouxe várias consequências não só no campo profissional e social, mas também no emocional de muitos.

O isolamento pode ser angustiante por diversos motivos, que vão desde o medo de contrair a doença até as perdas financeiras.

As pessoas são especialmente impactadas por fatores que fogem ao seu controle, como é o caso da pandemia gerada por um vírus invisível, desconhecido e incontrolável até o momento.

Então, a situação que estamos enfrentando demanda cuidados não só com a saúde física, mas também com a psicológica.

Confira abaixo alguns conselhos para manter o equilíbrio durante o período de isolamento:

Mantenha a calma

O isolamento tende a exercer maior impacto emocional quando já existe predisposição para quadros depressivos ou para ansiedade. A imunidade também corre risco, caso um estado de estresse venha a ocorrer com frequência.

Quando acontece, uma série de hormônios de defesa, como adrenalina, cortisol e noradrenalina, entram em ação e prejudicam o sistema imunológico, abrindo brechas para o contágio de novas doenças.

Para manter a calma, procure entender o assunto à fundo por meio de canais seguros e evite ficar pensando sobre o tema durante o dia.

Mantenha uma rotina ativa e saudável e lembre-se de que a situação, além de passageira, vai contribuir para o progresso científico, médico e intelectual.

Cuidado com o excesso de informação

Manter-se bem informado por canais de comunicação confiáveis e oficiais é fundamental para saber o que está acontecendo lá fora e como você deve agir.

No entanto, ficar consumindo informações o tempo todo pode causar uma ansiedade muito grande. Um conselho é assistir ao noticiário da manhã, que trará um resumo de tudo o que ocorreu no dia anterior e não vai te deixar ansioso para dormir.

Se prefere notícias no computador, eleja um tempo e horário para isso. Além disso, cuidado com as informações repassadas por redes sociais e WhatsApp!

Os canais oficiais de saúde informarão quando houver um método mais eficiente de prevenção ao coronavírus, portanto, não saia se automedicando ou fazendo receitas caseiras.

Tenha disciplina no home office

Quem está trabalhando no regime de home office, ou teletrabalho, deve ter disciplina redobrada. Procure manter a rotina que você tinha antes para não se atrapalhar nos horários.

Acorde, tome seu banho e seu café, coloque uma roupa e eleja um cantinho do trabalho. Tire suas pausas para descanso, separe seus horários de almoço e saiba a hora de acabar o expediente.

Se puder, evite trabalhar do seu quarto, ainda mais da sua cama. Separar os momentos de trabalho, descanso e lazer são fundamentais para preservar a sua saúde mental durante a quarentena.

Mantenha uma rotina sustentável e saudável

A quarentena, seja pelo coronavírus ou por outro motivo, faz com que a rotina seja modificada de forma extrema e abrupta. No entanto, deve se ter em mente que, após tudo isso passar, sua vida voltará ao normal e você deve estar preparado para isso.

Portanto, arranje suas atividades de uma forma que se assemelhe a sua rotina antes da quarentena.

Se você fazia exercícios físicos, continue fazendo, separando um tempo e espaço para isso. Caso não fazia, procure inserir de uma forma que seja possível continuar depois.

Também não esqueça que uma alimentação saudável é fundamental para manter uma boa saúde mental: procure elaborar suas próprias refeições e evite comidas prontas, gordurosas e açucaradas.

Quem faz terapia, deve continuar fazendo-a através dos meios digitais. Isso é importante para preservação da saúde mental.

Existem outros profissionais de outras áreas como personal trainers que também estão oferecendo atendimento remoto.

É uma boa alternativa para manter a rotina de corpo são e mente sã!

Reinvente os momentos de lazer

Durante a quarentena, o lazer que antes era dividido com momentos com reuniões e rua, agora é completamente dentro de casa. Assim, novas formas de lazer devem ser pensadas.

Aproveite para ler aqueles livros que você sempre quis, voltar a jogar aquele jogo que você amava tanto ou a colocar novamente o álbum do seu artista preferido e escutá-lo do início ao fim, sem outras distrações.

Você também pode procurar por dicas de coisas novas a fazer na internet, procurar cursos em uma área que goste ou investir em um hobby que sempre pensou em fazer. O modo para o lazer é reinventar-se!

Faça atividades com a família

Se o coronavírus lhe colocou em quarentena junto a sua família, não deixe de ter momentos de reunião geral.

Procurem fazer as principais refeições como almoço e jantar juntos e longe de televisões ou notícias, aproveitem aquele momento.

Também reúnam-se à sala para conversar sobre assuntos aleatórios.

Se você possui crianças, pense em atividades conjuntas. Organize uma ‘gincana de limpeza de casa’ ou joguem um jogo de tabuleiro.

Também pode ser um bom momento para filtrar o conteúdo que os pequenos estão consumindo no mundo digital e indicar alternativas que sejam mais adequadas.

Mantenha contato com os amigos

Não poder mais se reunir não significa se distanciar de quem você gosta. Organize chamadas de vídeo com seus amigos para vê-los e jogar conversa fora.

Mantenha os vínculos ativos com as pessoas que você ama e aproveite os recursos que a tecnologia oferece para isso.

Inclusive, há pessoas que organizam até Happy Hours com o pessoal do escritório através de videochamada, cada um na sua casa. Que ideia divertida para conversar com o pessoal, não é mesmo?

Cuide da sua saúde, mas não exagere

A questão aqui é que, sim, é fundamental cuidarmos da higiene para evitarmos a contaminação pelo vírus.

Mas isso não significa que você precise esfregar as mãos até se ferir.

Tampouco utilizar e estocar galões de álcool em gel em casa: esse comportamento além de ineficaz, demonstra ainda egoísmo e falta de empatia com o próximo.

Dessa forma, siga as determinações que os médicos e o Ministério da Saúde estão passando, mas não fique 24 horas por dia pensando nisso.

Isso pode acarretar em dificuldade de manter o equilíbrio emocional e também em prejuízos físicos.

Aprenda o que é necessário sobre a prevenção da doença e siga em frente.

Mantenha ou inicie seu tratamento psicológico

Em decorrência da real necessidade de isolamento, diversos serviços estão sendo cancelados ou adiados, afetando muitos atendimentos presenciais, incluindo os psicológicos.

Mas isso não é motivo para pânico, ok?

Existem alternativas para continuar ou iniciar um tratamento psicológico e a mais acessível e prática é, sem dúvidas, a realização de consultas online.

Por meio de videoconferência, psicólogo e paciente se veem e se ouvem como se estivem em um mesmo ambiente.

Além da nítida vantagem no que diz respeito à proteção em relação ao Coronavírus, essa modalidade de consulta ainda te permite fazer a terapia de onde você estiver, no horário que melhor lhe atender.

Por isso, converse com seu psicólogo para que juntos, vocês encontrem o melhor caminho. Cuidar de sua saúde e manter o equilíbrio é fundamental!

A pandemia do Coronavírus irá passar e precisamos entender que nós continuaremos. Cuide de você para que os danos sejam mínimos, físicos e mentais.

Vamos passar por isso juntos!

Pense que todos estão juntos nessa. Apesar de estarmos distantes uns dos outros, agora temos a clareza de fazermos parte da família humana e de que temos que nos preservar tanto para o coletivo, não saindo de casa, quanto para o individual, como nas dicas que dei.

Pense que quem escreveu este texto também está em quarentena, trabalhando de casa, e seguindo essas recomendações.

Quem sabe, você sabendo disso, o sentimento de que estamos todos juntos nessa fique ainda mais claro.

O momento agora é de união, reflexão interna e fortalecimento. Estamos juntos e juntos somos mais fortes!

E não se esqueça: Juntos atravessaremos esse momento da melhor forma possível!

Recomendado Para Você:

O que você achou? Deixe seu comentário aqui!
Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.