5 Linguagens do Amor que podem Transformar a sua Relação

Conheça as 5 linguagens do amor e transforme seus relacionamentos

Oi, aqui é a Lorena! Preparei um artigo para você conhecer as 5 linguagens do Amor que irão transformar o seu relacionamento.

Cada pessoa tem uma ou duas linguagens predominantes, isto é, a forma principal que usa para dar amor e espera recebê-lo. Sendo assim, cada pessoa nasce com uma maneira de identificar, receber e dar amor.

Mais lidas dessa semana:

É possível descobrir a sua através do livro ou testes online e, desta forma, compreender melhor seu parceiro, amigos e familiares.

A chave para ter um relacionamento saudável e duradouro está em aprender a identificar a linguagem do amor de seu parceiro ou parceira. Ambos precisam saber falar a língua um do outro para que a comunicação aconteça.

É só quando você entende o que faz seu cônjuge se sentir amado, que você poderá dar a ele todo o amor que existe em você. E vice e versa.

Conheça as 5 linguagens do amor e transforme seus relacionamentos

Muita gente acha que dizer “eu te amo” é a melhor maneira de expressar o seu sentimento para a pessoa amada. Mas, nem sempre quem ouve a frase dá muita importância, porque não é ouvindo que ela se sente realmente envolvida pelo sentimento alheio.

A questão é que existem diversas formas de expressar e de perceber o amor e cabe a cada um afinar a sintonia entre o que comunica ao outro e ao que recebe.

Ter essa compreensão é esclarecedor, porque entender a linguagem de seu parceiro ou parceira diminui essa “falha de comunicação” a partir do autoconhecimento e do olhar para o outro.

Após pesquisar anos sobre esse assunto, o escritor norte-americano Gary Chapman publicou um livro chamado “As Cinco Linguagens do Amor”, para ajudar as pessoas a descobrirem sua linguagem e a entender melhor a do outro, harmonizando e equilibrando as relações.

As 5 Linguagens do Amor

  • Tempo de Qualidade: Muita gente acredita que não há maior demonstração de amor do que dedicar um tempo somente para estar com a pessoa amada, abdicando de outras coisas para estar com ela. Essa pessoa entende que se você prioriza o tempo com ela, é porque você realmente a ama e se importa com ela.
  • Receber Presentes: Embora controverso para muitas pessoas, para outras ganhar ou dar presentes é tida como a melhor maneira de dizer “eu te amo”. Para elas não é lado material que interessa e sim o gesto, a preocupação da pessoa de parar, pensar, escolher algo pensando nela. Ela demonstra não apenas o interesse, mas dá prioridade ao outro em comprar algo para presentear, quando poderia estar comprando algo para si.
  • Gestos de ajuda: Quem tem os gestos de ajuda como linguagem de amor, está sempre atento a ajudar naquilo que o outro precisa. Quando algo está difícil demais, cansativo e complicado, vem esta pessoa e se prontifica a ajudar, espontaneamente. Para quem recebe ajuda e reconhece o amor por essa linguagem, o gesto será muito valioso.
  • Toque físico: Tem gente que não suporta ficar “grudado” no outro. A proximidade excessiva é uma invasão a seu espaço. Mas, existem pessoas que sentem que somente quando o outro está “colado” é que a pessoa está de fato demonstrando seu amor por ela. Sempre abraçado, de mãos dadas, sempre juntos, em contato físico. Esse toque físico é que faz com que a pessoa se sinta amada e querida pela outra.

Muitas das linguagens do afeto são sutis e inconscientes. Ou seja, nem quem faz, nem quem recebe tem total consciência da comunicação que se estabelece, mas ela está lá, em pequenos gestos, em modos de os corpos se colocarem, em modos de olhar, no tom de voz etc.

Como conciliar linguagens diferentes?

Se numa relação uma pessoa expressar seu amor diferente da outra, pode criar uma grande confusão. As duas podem estar fazendo um grande esforço para mostrar o quanto amam a outra pessoa e ambas não se sentirem amadas, devido ao desencontro das linguagens de demonstração de afeto. Nesses casos, a conversa é a maior aliada.

O ideal é não cobrar ou exigir do outro expressões amorosas e sim, se abrir para as diversas maneiras de perceber o amor. Assim, quando ela se der conta, será uma experiência nova, natural e verdadeira.

Continue Lendo sobre Relacionamento:

  1. 10 alimentos poderosos para evitar a Ejaculação Precoce
  2. O Sobrepeso e o Relacionamento do Casal
  3. Descobri que meu marido está me traindo e agora?
  4. Como Saber a Hora Certa de Casar
  5. Como Controlar o Ciúme no Relacionamento
  6. 5 Linguagens do Amor que podem Transformar a sua Relação
  7. Fazer Sexo Emagrece? A Resposta Vai Te Deixar de Queixo Caído!
  8. Ficar Mais Segura no Casamento é Possível SIM!
  9. Onde Encontrar Homens que Buscam Relacionamento Sério
  10. Dicas Irresistíveis Para Apimentar a Relação Ainda Esta Noite
  11. Crise dos 7 anos. Será que ela existe?

Recomendado Para Você:

O que você achou? Deixe seu comentário aqui!
Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.